quarta-feira, 16 de maio de 2012


RESTAURANDO AS MURALHAS

No ano de 444 a.C, 42 grupos trabalhavam incessantemente na reedificação dos muros de Jerusalém. Mesmo sendo um trabalho árduo e que levava tempo a alegria era contagiante. A motivação daqueles trabalhadores era expressada pelo grande trabalho  que realizavam e pela rapidez com que as muralhas eram reerguidas. Pois eles estavam realizando o maior sonho de suas vidas. O muro já estava quase edificado quando de um momento para outro a obra foi interrompida.

Na história das nossas vidas não é diferente, sempre algo acontece para que venhamos abrir mão dos sonhos de Deus para nós. Ao desistirmos perdemos a oportunidade de ver a mão de Deus se movendo poderosamente em nosso favor. Tanto a incredulidade, quanto o sentimento de desistência e os pensamentos negativos nos levam ao desânimo. E não existe um agente mais corrosivo para a alma e prejudicial para o espírito do que a falta de motivação para prosseguir. O Senhor disse a Josué: "Esforça-te e tende bom ânimo...” (Josué 1:8). Porque Deus bem sabia que o medo viria mediante as lutas, o tempo e o duro trabalho que ele teria pela frente. A desistência e a perca de ânimo são um problema instalado na alma que afeta todo desenvolvimento da vida. E eles são o maior responsavél pelas nossas desistências em tudo que iniciamos.

''E sucedeu que, ouvindo Sambalate e Tobias, e os Árabes, os amonitas, e os asdoditas... iraram-se sobremodo. E ligaram-se entre si todos, para guerrear contra Jerusalém, e para os desviarem do seu intento. 

Então disse Judá: Já desfaleceram as forças dos carregadores, e o pó é muito, e nós não poderemos edificar o muro" (Neemias 4:7-8 e 10).

Queridos, não tem jeito, não se enganem, pois o objetivo do inimigo é sempre o mesmo e sempre trabalha para nos levar a desistência, criar para nós um currículo de desistência. Por que, a promessa de Deus só é alçada pela fé, através de muita perseverança e vontade.

O inimigo fez uma grande pressão psicológica para nos arrazar emocionalmente. Neste momento é acionado um inimigo interno: o desânimo. Ele nos ataca numa área que faz parte da natureza humana, para que mais uma vez venhamos a abrir mão, declarar derrota e desistir. As palavras do valente Judá foi: "Já desfaleceram as forças... não poderemos edificar o muro". Quer dizer, desistiremos, não vale a pena continuar, chega, cansei!!!
Eles olharam para o tamanho do problema que vinha contra eles e viram o quanto eram tão pequenos e indefesos. O inimigo de dentro começou a agir no coração dos que trabalhavam e logo o desânimo tomou conta de todos. Eles chegaram à triste conclusão que as forças não eram suficientes e não iriam conseguir chegar até o fim. 

Porem chega Neemias e muda completamente aquele quadro e os faz enxergar a mão de Deus. Ele disse: “E olhei, e levantei-me, e disse aos nobres, aos magistrados, e ao restante do povo: Não os temais; lembrai-vos do grande e terrível Senhor, e pelejai pelos vossos irmãos, vossos filhos, vossas mulheres e vossas casas (Neemias 4:14).”

Durante o meu tempo de peregrinação eu aprendi duas coisas, a primeira: O Senhor usa as pessoas para nos ajudar a enxergar melhor sua vontade e seus planos para nossas vidas. E o inimigo usa pessoas para nos fazer desistir rápido do alvo de Deus para nós.

Der repente chega alguém que possuía uma visão diferente. Neemias não temia os homens e tinha certeza que a poderosa mão de Deus estava com ele. A palavra de Neemias encheu o coração daqueles homens de ânimo novamente e os fizeram crer que era possível prosseguir e vencer ainda que as circunstâncias eram contra eles. Ainda que aos olhos naturais não fosse possível, portanto agora seria possível porque a mão do Senhor era sobre eles para ajudá-los.

Hoje Deus tem uma palavra libertadora para sua vida que sem dúvidas pode tirar toda e qualquer raíz de desânimo no seu coração e transplantar esperança para prosseguir vencer o seu desafio em nome do Senhor Jesus. Assim te diz o Senhor: "Nao te mandei eu, esforça-te e tende bom ânimo, não temas; não te espante; porque o Senhor teu Deus é contigo, por onde quer que andares" (Josué 1:9).


Lembre-se, o Senhor está restaurando as muralhas da sua alma, que talvez esteja destruida pelo medo, pelas decepções, pelas dificuldades que sugiram que levam ao desânimo. E pela sua palavra ele injeta no seu coração ânimo, coragem e fé para ver o sobrenatural de Deus acontecer, bem diante dos teus olhos, mesmo que isto lhe pareça impossível agora.
Não to mandei eu? Esforça-te, e tem bom ânimo; não temas, nem te espantes; porque o SENHOR teu Deus é contigo, por onde quer que andares.
Josué 1:9


Não to mandei eu? Esforça-te, e tem bom ânimo; não temas, nem te espantes; porque o SENHOR teu Deus é contigo, por onde quer que andares.
Josué 1:9
Não to mandei eu? Esforça-te, e tem bom ânimo; não temas, nem te espantes; porque o SENHOR teu Deus é contigo, por onde quer que andares.
Josué 1:9
E o  povo voltou a obra, e os muros foram contruídos em apenas 52 dias. 

Deus te abençoe em nome do Senhor Jesus

Pr. Antonio Cesar

Nenhum comentário:

Postar um comentário